Dietética


FAQ's

O que é a dietética energética?

A dietética energética trabalha sobre o corpo energético.

Os sabores têm a capacidade de estimular o qi, a função dos órgãos e a respectiva forma.

Como escolher o que vamos comer ?

De acordo com os principios da dietética chinesa escolhemos pela qualidade dando preferencia a alimentos frescos, integrais, de cores vivas e sem corantes artificiais. E pela variedade, cereais, feijões, raízes, tubérculos, bolbos, peixes, mel, temperos, bebidas.

Centro de Consultas de Acupunctura e Medicina Tradicional Chinesa

Veja todas as informações das nossas consultas

A dietética energética é o saber conjugar dos alimentos em função do seu sabor e natureza, de modo a restabelecer o equilíbrio.

A prevenção das doenças depende da manutenção do equilíbrio yin e yang – o que, por seu turno, depende da qualidade da interpretação das mensagens do corpo.
A dietética energética trabalha sobre o corpo energético. Os sabores têm a capacidade de estimular o qi, a função dos órgãos e a respectiva forma.

Há que conhecer as propriedades e acções de cada alimento, do ponto de vista do sabor, da acção sobre cada orgão e da acção sobre cada meridiano do corpo.

É igualmente necessário saber misturar os vários ingredientes a fim de evitar efeitos contrários – ter em atenção, por exemplo, os modos de cozedura que convêm a cada alimento conforme a estação.

Sabor e natureza dos alimentos

Os sabores apresentam a capacidade de estimular, dispersar ou harmonizar a energia dos órgãos, tal como a sua forma.

Cada sabor relaciona-se prioritariamente com um dado órgão:

• sabor ácido: fígado;
• sabor amargo: coração;
• sabor doce: baço-pâncreas;
• sabor picante: pulmão;
• sabor salgado: rim.

Se um sabor é dado na quantidade certa vai alimentar a forma e a função do órgão; se pelo contrário a dose for elevada, vai lesá-lo.

Vejamos agora a acção específica de cada sabor:

• ácido – tem a capacidade de moderar e é adstringente;
• amargo – drena e seca, logo é purgativo e escoador;
• doce – nutre, acalma, tonifica e harmoniza;
• picante – tem a função de dispersão e promoção da livre circulação do qi;
• salgado – tem a função de humedecer e fazer descer, é diurético e laxativo.

Os alimentos distinguem-se também pela sua natureza:

• natureza fria: contrai, refresca e clarifica o calor;
• natureza fresca: refresca e elimina toxinas;
• natureza quente: estimula, aquece e promove a circulação do qi;
• natureza morna: aquece moderadamente e dispersa o frio;
• natureza neutra: harmoniza e acalma.

Como escolher o que vamos comer?
• pela qualidade: preferir alimentos frescos, integrais, de cores vivas e sem corantes artificiais;
• pela variedade: cereais, feijões, raízes, tubérculos, bolbos, peixes, mel, temperos, bebidas.

Pré Marcação de Consulta de Medicina Tradicional Chinesa

Nome

Email

Número de Telefone

Como teve conhecimento do nosso centro de consultas?

Seleccione a data da consulta

A pré marcação de consulta neste formulário é apenas indicativa. Será contactado(a) para confirmar o agendamento.